Santander paga a PLR no dia 30 de setembro

PLR (4)

Apesar da solicitação dos sindicatos e federações por uma antecipação, o Santander só vai pagar a primeira parcela da PLR (Participação nos Lucros e Resultados) no dia 30 de setembro, prazo limite estabelecido pela CCT (Convenção Coletiva de Trabalho). Na mesma data, também será pago o PPE (Programa Próprio Específico). Realizada em duas parcelas, a PLR dos bancários é determinada pelo lucro anual do banco. O primeiro pagamento é referente a antecipação, com data limite em 30 de setembro. A segunda parte deve ser creditada…

Leia Mais

Economista do Santander defende golpe para evitar retorno de Lula

Lula_Santander

Em relatório assinado pelo economista Victor Candido, o banco Santander mostra que compartilha das ameaças e objetivos golpistas de Jair Bolsonaro para evitar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em 2022. Enviado a clientes e operadores financeiros do banco espanhol no Brasil, o comunicado diz: “Se o sistema político e judicial, se o establishment político brasileiro acha cômico o governo Bolsonaro, o retorno de Lula e seus aliados representa uma ameaça bem mais séria. Hoje, Lira é o presidente da Câmara,…

Leia Mais

Encontro Nacional define plano de lutas contra ataques do Santander

Texto do seu parágrafo

O Encontro Nacional dos Funcionários do Santander, realizado ontem, terça-feira (3) pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e pela Comissão de Organização dos Empregados (COE) do banco, trouxe aos delegados o debate sobre os planos de previdência fechados, os ataques que os mesmos vêm sofrendo, tanto da parte dos bancos quanto do governo, e a análise dos resultados do balanço do banco e da holding de empresas grupo.“Há um forte ataque aos planos fechados, com os bancos querendo ocupar espaço para vender…

Leia Mais

Abertura do Encontro Nacional dos Funcionários do Santander destaca truculência do banco

santander-lucra-59-bilhoes-no-primeiro-semestre-de-2018_928a581c4d5b3d290425f50ffbc318ac

Com o tema “Contra a precarização, em defesa da vida e do emprego”, o Encontro Nacional dos Funcionários do Santander, realizado nesta terça-feira (3), destacou, logo na abertura, os ataques que o banco promove aos direitos dos trabalhadores e a truculência na relação com as representações sindicais que os defendem.Os trabalhadores ressaltaram que o Santander é o banco que mais promove ataques aos direitos dos seus funcionários e práticas antisindicais. No entanto, as representações dos trabalhadores têm conseguindo importantes vitórias contra o banco.“Infelizmente o banco…

Leia Mais

Santander é condenado em R$ 50 milhões por demissões na pandemia e por condutas antissindicais

Design sem nome (35)

Em ação movida pela Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região, o Santander foi condenado em R$ 50 milhões por demissões durante a pandemia; por ataques aos participantes dos planos Cabesp e Banesprev; e perseguição aos dirigentes sindicais. A decisão é considerada inédita na história da Justiça do Trabalho de São Paulo.Mesmo tendo obtido lucro de R$ 13,8 bilhões em 2020, o banco espanhol eliminou, no Brasil, 3.220 postos de trabalho no ano, mesmo tendo assumido compromisso com o movimento sindical de não…

Leia Mais

Santander lucra R$ 4,1 bi, mas demite e fecha agências

santander-lucra-59-bilhoes-no-primeiro-semestre-de-2018_928a581c4d5b3d290425f50ffbc318ac

Enquanto a economia do país está na corda bamba e o povo tenta sobreviver, o Santander Brasil lucra cada vez mais. Obteve lucro líquido societário de R$ 4,103 bilhões no segundo trimestre deste ano. Um salto de 102,6% na comparação com o mesmo trimestre de 2020 (R$ 2,026 bilhões) e de 45,7% em relação ao primeiro trimestre de 2021, quando a lucratividade foi de R$ 2,816 bilhões. O grupo espanhol tem maior lucratividade no país, que responde por 30% do lucro global. Em um ano, aumentou a…

Leia Mais

Bancários cobram do Santander negociação sobre saúde e condições de trabalho

santander-lucra-quase-r-9-bi-no-brasil-nos-nove-meses-de-201_56f3be5b227e0301025276b2a2a627fb

A Comissão de Organização dos Empregados (COE/Santander) – que representa os trabalhadores nas negociações frente ao banco – encaminhou, no último dia 23 de junho, documento contendo uma pauta de reivindicações sobre temas que envolvem saúde, condições de trabalho e contratações. “Estamos aguardando que a direção do Santander nos indique uma data para negociação. A pauta é muito importante, principalmente neste momento de pandemia, quando as condições de trabalho têm piorado muito no Santander”, explicou Lucimara Malaquias, coordenadora da COE Quando o bancário se encontra…

Leia Mais

Após cobrança do movimento sindical, Santander suspende ampliação do horário de atendimento

ranking_reclamacoes_bc_santander

Após várias denúncias do movimento sindical de que o Santander era o único banco no país que estava ampliando o horário de atendimento ao público, a instituição financeira voltou atrás. Assim, foi suspensa, por tempo indeterminado, a dilatação do horário de atendimento gerencial anunciado no começo da semana. As unidades seguem funcionando das 9h às 10h (atendimento prioritário) e das 10h às 14h (público em geral). Desde o início da pandemia, o movimento sindical tem cobrado a redução do horário de atendimento para diminuir o…

Leia Mais

Santander corta salários e afronta judiciário brasileiro

santander-lucra-59-bilhoes-no-primeiro-semestre-de-2018_928a581c4d5b3d290425f50ffbc318ac

O banco Santander, em mais uma demonstração de absoluta falta de civilidade e respeito para com os bancários brasileiros, responsáveis pela maior fatia do lucro global da empresa, cortou 55% do salário de mais de 40 dirigentes sindicais bancários, cipeiros e trabalhadores em estabilidade provisória que ingressaram com ações judiciais de sétima e oitava horas, garantindo assim o direito de receber pelas horas extras realizadas.O banco fez uma interpretação distorcida das sentenças e retirou a gratificação de função destes bancários, o que configura prática antissindical,…

Leia Mais

Bancos privados têm lucro de R$ 16,9 bi no trimestre

Design sem nome (16)

Nem o agravamento da pandemia do novo coronavírus é capaz de fazer o lucro dos bancos em atividade no Brasil cair. Pelo contrário. O resultado do primeiro trimestre de 2021 das três maiores organizações financeiras supera os dos anos 2019, antes da pandemia, e 2020. O balanço de Bradesco, Itaú e Santander chegou a R$ 16,9 bilhões.    As projeções para este ano são as melhores possíveis. Não há perspectiva de queda na lucratividade. A rentabilidade dos três bancos também está em um patamar considerado…

Leia Mais