Celso de Mello dá 72 horas para Bolsonaro entregar gravação de reunião ministerial citada por Moro

celson-de-mello

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, deu o prazo de 72 horas para que o Palácio do Planalto entregue uma cópia da gravação da reunião ministerial ocorrida no dia 22 de abril, em que Jair Bolsonaro teria ameaçado o ex-ministro Sérgio Moro de demissão caso não permitisse interferências na Polícia Federal (PF).

A decisão foi publicada na noite da última segunda-feira, 5, e atende ao pedido do procurador-geral da República, Augusto Aras. 

Leia, abaixo, a decisão do ministro Celso de Mello:

Despacho Celso de Mello

Fonte: Brasil 247