Com Bolsonaro, 40 milhões de pessoas na miséria

Design sem nome – 2021-01-07T100020.089

Com o governo Bolsonaro, o Brasil só atinge recordes infelizes, como o aumento no número de brasileiros desempregados e de contaminados e mortes por Covid-19. Agora chegou a marca impressionante de 39,9 milhões de pessoas em situação de miséria, incluindo famílias vulneráveis que têm renda per capita de até R$ 89,00.

Em outubro, o país tinha outras 2,8 milhões em situação de pobreza, com renda entre R$ 90,00 e 178,00. A quantidade de famílias em extrema pobreza cadastradas no CadÚnico (Cadastro Único para programas sociais do governo federal) subiu de de 11 milhões para mais de 14 milhões, no período de 2016 a 2020. 

Outro agravante para situação do país é o fim dos benefícios emergenciais criados para socorrer a população durante a pandemia de Covid-19. Neste panorama sem o menor suporte do governo, a tendência é que a pobreza cresça ainda mais neste mês.

Fonte: SBBA