Moro chama coletiva em que pode anunciar demissão

Captura de Tela 2020-04-24 às 09.00.43

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, informou que fará um pronunciamento às 11h desta sexta-feira (24), após o governo Jair Bolsonaro exonerar Mauricio Valeixo do cargo de diretor-geral da Polícia Federal. A medida aconteceu sem que o ex-juiz tenha sido consultado.

A expectativa é que, durante a coletiva de imprensa, o ex-juiz da Operação Lava Jato peça demissão do governo.

Após condenar tirar o ex-presidente Lula da eleição, com uma sentença sem provas, Moro chegou ao governo dizendo publicamente que priorizaria combate ao crime organizado e a corrupção. No entanto, o que se viu foram omissões sobre os esquemas de corrupção envolvendo a família Bolsonaro, além de dificuldades de articulação política. 

Fonte: Foto: ABR