Santander é alvo de protesto por práticas contra os trabalhadores

capa

Bancários de todo o país realizaram um Dia Nacional de Luta para denunciar diversas práticas do banco Santander que prejudicam os trabalhadores. São casos recorrentes de demissões, desrespeito à saúde ocupacional e às condições de trabalho, além de problemas no plano de saúde e no vale alimentação.

O banco também tem colocado trabalhadores e clientes em risco com a retirada de portas de segurança de agências. Em São Paulo, os protestos aconteceram na sexta-feira (29/11). As atividades são mais um alerta para o banco e para a sociedade e também uma solicitação para que o banco estabeleça um processo de negociações sobre os problemas apontados

A direção do banco tem se mostrado irredutível no trato de temas de interesse dos trabalhadores. A realização de manifestações, paralisações e outras atividades é a forma que a categoria tem encontrado para cobrar e exigir respeito do banco espanhol aos seus funcionários brasileiros.

Foto: Seeb/SP

Fonte: Contraf-CUT