Mensagem do Presidente da Caixa é afronta aos empregados

mg-9311 (1)

O presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, anunciou uma série de medidas de desmonte do banco, que incluem o fechamento de 100 agências e, consequentemente, a retirada de funções dos empregados dessas unidades Em recente mensagem aos empregados, o presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, anunciou como meta ultrapassar o lucro de R$ 9 bilhões em 2018 e reduzir as despesas de 500 milhões. No entanto, aquilo que ele chama de pilares do novo plano estratégico da atual gestão são, na prática, mais…

Leia Mais

Megaevento com dinheiro público debate desmonte da Caixa

megaevento-com-dinheiro-publico-debate-desmonte-da-caixa_c907dda054534c45874ac84549723cf3

Os ataques à Caixa Econômica Federal e aos seus empregados não cessam. Com o objetivo de enfraquecer e privatizar a Caixa Econômica Federal, as ameaças ao caráter 100% público do banco são diárias. Um dos golpes mais recentes é a nova reestruturação, chamada de Programa Eficiência, que mira na redução de despesas em R$ 2,5 bilhões até 2019. Em contrapartida, o banco vai promover uma reunião com mais de 6 mil gestores no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília (DF), na quarta-feira (16). Os custos…

Leia Mais

União de entidades lança campanha em defesa do Saúde Caixa

LancamentoCampanhaSaudeCaixa-600×400

Nesta quarta-feira (9), em ato realizado na reunião do Conselho Deliberativo Nacional da Fenae, em Brasília (DF), as entidades representativas dos trabalhadores da Caixa lançaram a campanha “Saúde Caixa: eu defendo”. A iniciativa tem o objetivo de sensibilizar os usuários para a importância da política de saúde da categoria e mobilizar ativos e aposentados para se engajarem na defesa desse modelo. Dirigentes da Fenae, Apcefs, Contraf-CUT, Fenacef, Fenag, Advocef, Social Caixa e Aneac participaram do lançamento com o compromisso de difundir a campanha, que une toda…

Leia Mais

Entidades se mobilizam em defesa do Saúde Caixa

saude_caixa

Uma campanha nacional será lançada para conter os ataques da Caixa e do governo ao plano de assistência. No dia 8 de maio, entidades representativas se reúnem, em Brasília, para discutir o tema. Não é de hoje que o banco tenta enfraquecer o Saúde Caixa. A instituição financeira quer, de todas as formas, convencer os empregados de que o modelo de custeio do plano é insustentável. Pura mentira. O próprio banco já divulgou números que mostram que a assistência não só se sustenta como registra…

Leia Mais

Contraf-CUT cobra melhorias do Saúde Caixa, melhores condições de trabalho e nenhum direito a menos

contraf-cut-cobra-melhorias-do-saude-caixa-melhores-condicoe_c447552a4b453459740f81aa843d3504

A Comissão Executiva dos Empregados da Caixa (CEE/Caixa), que representa a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) nas negociações com o banco, ainda protestou contra as medidas unilaterais que estão levando ao encolhimento do banco e restringindo os direitos dos empregados.A Contraf-CUT cobrou melhorias do Saúde Caixa, melhores condições de trabalho e nenhum direito a menos na primeira reunião do ano da mesa permanente de negociação, realizada na tarde de terça-feira (24), em Brasília (DF). Temas como o atendimento no Saúde Caixa, o…

Leia Mais

CEE Caixa se reúne com direção do banco no dia 24

11762_FD_1523667701

Os principais assuntos da pauta são o PDE e falta de empregados, a verticalização e descomissionamento arbitrário A Comissão Executiva dos Empregados da Caixa (CEE/Caixa), que representa a Contraf-CUT nas negociações com o banco, se reúne com a direção da Caixa no próximo dia 24, em Brasília. Dionísio Reis, coordenador do CEE/Caixa revela que os principais assuntos da pauta são o Programa de Desligamento do Empregado (PDE) e falta de empregados, a verticalização e descomissionamento arbitrário, a qualidade do atendimento do Saúde Caixa, as baixas…

Leia Mais

Justiça impede descomissionamento de empregado da Caixa sem certificação CPA20

justica-impede-descomissionamento-de-empregado-da-caixa-sem-_a44895fad2d32749c0f7e67c991daa23

A Caixa Econômica Federal foi condenada a se abster de descomissionar os detentores dos cargos de “Gerente de Relacionamento PJ Público/Privado”, “Gerente de Atendimento e Relacionamento Governo” e “Gerente de Relacionamento Pessoa Física” que não obtiverem a certificação CPA 20 até o final de julho, conforme sentença proferida em 27 de março, pelo Juiz Paulo Henrique Tavares da Silva, Titular da 5ª Vara do Trabalho de João Pessoa. Entendendo que a Instituição Financeira Pública cerceou o direito dos bancários, devido a problemas operacionais demonstrados no…

Leia Mais

Caixa obtém lucro recorde de R$ 12,5 bi em 2017

caixa-obtem-lucro-recorde-de-r-125-bi-em-2017_e03b6fa7dbbff74b9846263d8b450b40

A Caixa Econômica Federal obteve um lucro líquido de R$ 12,5 bilhões em 2017. É o maior da história do banco. O resultado é 202,6% maior do que o obtido em 2016. Se considerarmos o resultado recorrente, o lucro é de R$ 8,6 bilhões, também o maior da série histórica, com uma alta de 72,3% em 12 meses. De acordo com o relatório do banco, o resultado recorrente deve-se, principalmente, à limitação dos gastos com a folha de pagamento e com a oferta de assistência…

Leia Mais

Realidades diferentes afetam participantes da Previ do BB e da Funcef da Caixa

reducao-da-meta-atuarial-da-funcef-mesmo-com-deficit-prejudi_75937282869c3b1e05f4f9b793e94d66-708×350

A Previ, fundo de pensão dos empregados do Banco do Brasil, divulgou nesta semana o balanço anual de 2017. O fundo acumula, no Plano 1, déficit de R$ 4,2 bilhões. O valor está abaixo da chamada linha de solvência e por isso, de acordo com a legislação e com o tamanho das reservas do plano, não precisa de equacionamento. Com isso, os participantes da Previ não terão que pagar contribuições extraordinárias. Os dirigentes do fundo apostam na alta rentabilidade da renda variável para recuperar resultados…

Leia Mais

Acordo prevê pagamento da PLR da Caixa até o dia 31

contraf-cut-cobra-fim-de-ameaca-de-descomissionamento-para-g_5a892317c5023dad26502e96cd1f68ca-708×350

A segunda parcela da PLR deve ser paga pela Caixa até o dia 31 de março, data limite determinada pelo Acordo Coletiva de Trabalho (ACT) em vigor. A Contraf-CUT tem cobrado a antecipação, mas o pagamento ainda depende da publicação do balanço de 2017. A PLR é conquista da mobilização dos trabalhadores ao lado do movimento sindical e passou a ser paga pela Caixa em 2004. Além disso, o banco público distribui, desde 2011, 4% do lucro líquido entre todos os empregados, que corresponde à…

Leia Mais