Governo Bolsonaro inicia perseguição ao estilo CCC nos bancos Federais

images_cms-image-000611886

O governo Jair Bolsonaro nem começou mas já inicia uma campanha de caça a funcionários que não rezem pela cartilha do bolsonarismo nos bancos federais. O levantamento dos nomes a serem perseguidos está sendo feito por “grupos voluntários” de funcionários de carreira do Banco do Brasil (BB), da Caixa Econômica Federal (CEF), do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), do Banco do Nordeste (BNB) e do Banco da Amazônia (BASA). A ação lembra as campanhas do Comando de Caça aos Comunistas (CCC) durante a ditadura militar (aqui). O método é…

Leia Mais

Lucro do Banrisul cresce e IPO de cartões segue suspenso  

23939837

O lucro líquido do Banrisul, ao fechar o terceiro trimestre, foi de  R$ 290,2 milhões. Esse valor representa um crescimento de 11% em relação ao trimestre anterior e de 32% sobre o terceiro trimestre de 2017.  Ao ser considerado o acumulado der nove meses, o banco registrou um lucro líquido de R$ 196,1 milhões. Em relação ao lucro registrado no mesmo período de 2017, houve um incremento de 48,4%. De acordo com as informações disponibilizadas pela Gaúcha ZH, o patrimônio líquido do banco, em setembro deste…

Leia Mais

Reforma trabalhista deixou os brasileiros na mão

reforma_trabalhista19_charge

Completou um ano de reforma trabalhista, principal retrocesso da política neoliberal. Para que fosse aprovada, matérias e propagandas foram fortemente divulgadas para convencer a população de que todos os entraves seriam removidos e mais de dois milhões de empregos seriam gerados. Pura falácia. As previsões otimistas apontavam a criação de dois milhões de postos de trabalho com carteira assinada, em 2018. No entanto, antes do ano começar o  chute caiu para 20% deste valor. Ainda são mais de 12,5 milhões de desempregados, 27,3 milhões subutilizados e…

Leia Mais

Contraf-CUT repudia anúncio de extinção do Ministério do Trabalho

contraf-cut-repudia-anuncio-de-extincao-do-ministerio-do-tra_e9ab8bacc938e83e91f5f4297a141482

Órgão federal é o responsável por fiscalizar, coibir e punir os abusos por parte dos empresários contra os trabalhadores O anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), sobre a intenção de extinguir o Ministério do Trabalho provocou enorme indignação pelas entidades representativas dos trabalhadores e afins. Em notas, a Central Única dos Trabalhadores (CUT), a Procuradoria Geral do Trabalho (PGR), a Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), o Colégio de Presidentes e Corregedores dos Tribunais Regionais do Trabalho (Coleprecor), a Associação…

Leia Mais

Colônia de Férias no Cassino – Temporada 2018/2019

Captura de Tela 2018-11-09 às 13.38.49

De 15/12/18 a 28/02/19 os bancários que tiverem interesse podem desfrutar da praia do Cassino e conferir a Colônia de Férias dos Bancários. A Colônia oferece apartamentos de solteiro e casal, vasta área de camping, estacionamento coberto, cozinha e churrasqueiras coletivas. Fica a apenas 200 metros da praia. Acesse o site: www.seebrg.com.br e conheça a Colônia de Férias. Para mais informações ligue: (53) 3232-6009. *PREÇOS ESPECIAIS PARA BANCÁRIOS ASSOCIADOS DE OUTROS SINDICATOS

Leia Mais

Enquanto bancos têm lucros bilionários, 62% dos brasileiros estão endividados

enquanto-bancos-tem-lucros-bilionarios-62-dos-brasileiros-es_e4bfb36b84e270cc183404565ef5c559

Só com os juros cobrados, os bancos embolsaram mais de R$ 354 bilhões no ano passado; 10,8% da renda anual das famílias foram usadas para pagamento de juros O valor dos juros pagos pelas pessoas físicas atingiu em 2017, R$ 354,8 bilhões – 17,9% maior que o registrado em 2016. O total pago corresponde a 372 milhões de salários mínimos ou 8,5% de todo o consumo das famílias brasileiras no ano passado.Enquanto 62% dos brasileiros vivem o drama do endividamento e não têm condições de…

Leia Mais

BB está na mira de Guedes privatizador

bb-esta-na-mira-de-guedes-privatizador_fb1370624cfe6711834e4153d5aabaab

Funcionários e a sociedade como um todo precisa de mobilizar se não quiser ver o banco nas mãos da iniciativa privada “A cada dia fica mais claro que Guedes vai usar seus argumentos econômicos para convencer todo mundo do governo que seja contrário às privatizações a aceitar a ideia de é necessário vender todas as empresas públicas, como ele já declarou diversas vezes. O Banco do Brasil já virou mira”, avaliou o coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB (CEBB), Wagner Nascimento. “Alertamos…

Leia Mais

Nota de Esclarecimento sobre o PDAV no Banrisul

11984_FD_1541608375

A Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras do Rio Grande de Sul vem a público esclarecer o Fato Relevante publicado pelo Banrisul, no dia 06 de novembro, nos meios de comunicação, sobre o “Plano de Desligamento Por Aposentadoria Voluntária de seus empregados”. A Fetrafi-RS esclarece que recebeu a proposta no final da tarde de terça-feira (06/11). Diante do fato ocorrido, a Federação vem a público explicar que o movimento sindical Cutista tem por princípio a defesa dos empregos e nunca negociou ou assinou…

Leia Mais

Bolsonaro mira agora no Ministério do Trabalho

bolsonaro_temer-764×440

O presidente eleito nem tomou posse e as medidas anunciadas já tiram o sono do trabalhador brasileiro. Agora, a equipe de transição do novo governo analisa acabar com o Ministério do Trabalho e associar a área a algum órgão ligado à presidência da República. Também estaria em estudo o fatiamento dos assuntos que ficam sob a responsabilidade do Ministério do Trabalho entre as pastas associadas. Um dos casos seria manter a gestão de concessão de benefícios, a exemplo do seguro-desemprego, para órgãos que realizem trabalhos…

Leia Mais

Banco do Brasil ameaça bancários que têm ações na Justiça

banco_do_brasil

O Banco do Brasil, através da Diretoria de Pessoas (Dipes), está coagindo bancários de todo o país a aderirem à jornada de seis horas. Com essa medida, o banco pretende evitar o aumento do passivo trabalhista devido a uma discussão judicial sobre ilegalidade da jornada de trabalho individual. O Sindicato discorda dessa tese, pois entende que existe um pré-contrato que considera as 7ª e 8ª horas trabalhadas no momento que o bancário recebe a função comissionada. Em face dessa situação, o banco tem “ofertado” vagas de…

Leia Mais