Empregados da Caixa recebem valores referentes à greve geral de 28 de abril

11598_FD_1509386791

Ação foi ingressada pela Fetrafi-RS, a partir da mobilização dos bancários.

Os empregados da Caixa Federal tiveram uma boa notícia na última sexta-feira, dia 27. O Banco realizou um depósito em suas contas, referente à ação sobre a greve do dia 28 de abril de 2017. A ação foi ingressada pela Fetrafi-RS, a partir da mobilização dos bancários.

Sobre este caso, a Justiça do Trabalho de Porto Alegre proferiu sentença favorável aos trabalhadores. Conforme decisão da Juíza Ana Paula Kotlinsky Severino, o Banco deve retirar “a inscrição falta injustificada relativamente ao dia 28/04/2017, ficando vedada a produção de qualquer efeito negativo decorrente da inscrição indevidamente atribuída nos contratos de trabalho dos substituídos”. A sentença deu o prazo de 5 dias para que a Caixa implemente o que foi decidido, restabelecendo, pelo menos em parte, a legalidade do ataque praticado pela empregadora.

Para o diretor da Contraf-CUT e representante do RS na CEE/Caixa, Gilmar Aguirre, o depósito reforça a visão de que a greve geral do dia 28/04 foi justa. Ele lembra que ainda falta cumprir o acordado em mesa de negociação, no dia 26 de outubro, referente a retirada de todos os reflexos das faltas não justificadas relativos às três greves gerais de 2017, que poderiam prejudicar a vida funcional dos trabalhadores. “É fundamental mantermos a unidade em defesa dos bancos públicos e da Caixa Econômica Federal. Só a luta nos garante!”, enfatizou.

Fetrafi-RS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *