Sindicato fecha agência do Bradesco para marcar Dia Nacional de Luta

Captura de Tela 2021-12-16 às 09.54.36

Nesta quinta-feira, dia 16 de dezembro, diretores do Sindicato dos Bancários de Pelotas e Região paralisaram as atividades na agência do Bradesco que fica localizada no bairro Três Vendas, zona norte da cidade.

A manifestação faz parte do Dia Nacional de Lutas, que ocorre em todo o país, nesta quinta-feira, dia 16 de dezembro. “Essa é uma forma de chamarmos a atenção para as consequências da política adotada pelo banco, mesmo durante a Pandemia, com demissões e fechamento de postos de trabalho, o que tem provocado uma piora do atendimento e o adoecimento dos funcionários devido à sobrecarga de tarefas a serem desempenhadas”, ressalta o diretor do sindicato, Fábio Silveira.

Outro aspecto importante, evidenciado pelos diretores do Sindicato, diz respeito à falta de justificativa para as medidas arbitrárias que estão sendo tomadas. “É inadmissível que o banco continue a demitir, ainda mais considerando o lucro obtido, de mais de R$ 19 bilhões de reais”, explica Paulo Fouchy, também diretor do Sindicato.

O diretor Rafael Silva complementa a opinião dos colegas, ressaltando que, nessa linha de acabar com postos de trabalho, o banco chegou a fechar 765 unidades bancárias, em apenas um ano. “E as cobranças recaem sempre sobre aqueles que estão na linha de frente, prestando serviços à população, porque, infelizmente, não há entendimento de todos os clientes, sejam de bancos públicos ou privados, sobre a responsabilidade dos donos dos Bancos pela demora ou ineficiência do trabalho apresentado”, disse.

Redação: Eduardo Menezes / Seeb Pelotas e Região