Contraf-CUT orienta empregados da Caixa a não se autodeclararem fora do grupo de risco

whatsapp-image-2020-05-21-at-17-40-55

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro, por intermédio da Comissão Executiva dos Empregados (CEE), orienta os empregados da Caixa Econômica Federal a não assinalar a informação de que “NÃO” é grupo de risco na autodeclaração de Saúde – Covid-19. No novo protocolo anunciado pela Caixa, na segunda-feira (18), foi inserida essa opção.

“É complicado induzir o empregado a preencher uma autodeclaração informando que não é de risco, pois joga uma responsabilidade para o trabalhador absurda. Isso porque a pessoa pode ter adquirido/desenvolvido algo e não saber. Assim, como ele vai afirmar que não tem problema?”, reforça Fabiana Proscholdt, representante da Contraf-CUT nas negociações com o banco.

Fonte: Contraf CUT