Brasil supera 100 mil casos e 7 mil mortes por coronavírus

20200502-49806875987_eb91bcb511_k-1536×1024

O Brasil ultrapassou no último domingo (3), a barreira dos 100 mil casos confirmados do novo coronavírus. De acordo com levantamento do Ministério da Saúde, o país tem, até o momento, 101.147 confirmações de infecção pela doença e 7.025 mortes foram registradas. O número de pessoas recuperadas da covid-19 é de 42.991. Em 24 horas, o ministério registrou 4.588 novos casos e 275 mortes durante o final de semana.

A região Sudeste registra 48.115 (47,6% dos casos) pacientes com a doença. Em seguida, aparecem as regiões Nordeste (30.022 – 29,7%), Norte (14.376 – 14,2%), Sul (5.526 – 5,5%) e Centro-Oeste (3.108 – 3,1%).

No mundo inteiro, se aproxima de 3,5 milhões o número de contagiados pela doença. Os mortos já são mais de 246 mil. Nos Estados Unidos, país com maior incidência, são cerca de 67.400 vítimas fatais e mais de 1,1 milhão de pessoas infectadas, de acordo com o mapa elaborado pela Universidade Johns Hopkins. A Espanha aparece na segunda posição, com cerca de 25 mil mortos e 216,5 mil infectados, seguida por Itália (28,8 mil e 210 mil), Reino Unido (28,5 mil e 187,8 mil), França (24,7 mil e 168,5 mil) e Alemanha (6,8 mil e 165,5 mil). O mapa traz Rússia e Turquia à frente do Brasil, mas em função do número de infectados, já que ambos têm número de vítimas bem inferior. Pelo último levantamento do Ministério da Saúde, até mesmo a Alemanha tem menos mortos do que o Brasil.

No Rio Grande do Sul, duas novas mortes foram confirmadas hoje. Em Cruzeiro do Sul a vítima foi uma mulher, de 79 anos e, em Cerro Grande do Sul, outra, de 58 anos.

*Fonte: Sul21 com informações da Agência Brasil

Foto: Leopoldo Silva/Agência Brasil