Bancários se mobilizam para protestos do dia 18 de março

Captura de Tela 2020-03-11 às 09.59.47

Em Pelotas, as atividades estão marcadas para ter início às 9h e devem se estender até às 17h

No dia 18 de março, os bancários de todo o país vão aderir às manifestações conjuntas, convocadas pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), demais centrais sindicais e movimentos sociais, em protesto contra o projeto de privatização e de desmonte do Estado que vem sendo colocado em prática pelo governo federal, que prometeu empregos e crescimento econômico e não está entregando nem uma coisa nem outra.

Banco do Brasil e Caixa

Os bancários do Banco do Brasil e da Caixa já estão sendo afetados pelo processo de desmonte do Estado, assim como a população, que já sofre com a falta de atendimento de serviços bancários.

Os dois bancos públicos passam por processos arbitrários de reestruturação, que atacam direitos dos bancários e a função social dessas instituições. Na Caixa, a reestruturação prevê descomissionamentos sumários e transferência arbitrária de empregados. Já no BB, as medidas reduzem a remuneração, extinguem cargos e criam outros, alterando o plano de carreira, e podem trazer prejuízos para a PLR.

Nos dois bancos, que possuem papel fundamental para o país, o objetivo é reduzir a importância das instituições e prepará-las para a privatização.

Com informações da Contraf-CUT