Saiba o que fazer e o que não fazer para lidar com o suicídio

Design sem nome – 2021-09-27T115820.335

Quem ainda não se deu conta ou nem imagina, precisa urgentemente saber que o suicídio faz parte das nossas vidas. Sim, todo o ano, mais de 800 mil pessoas morrem por suicídio no mundo. Quer dizer, a cada 40 segundos, uma pessoa tira a própria vida em algum lugar do planeta.

No Brasil, este número não é menos preocupante. São 13,5 mil pessoas que morrem a cada ano por suicídio. E, se contarmos as formas tentadas de suicídio, podemos calcular que a cada morte, ocorrem entre 6 a 10 outras tentativas, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), de 2019.

Mas o que é preciso fazer? Prevenir é o melhor remédio. O SindBancários Porto Alegre e Região Metropolitana tem tratado o tema com todo o cuidado porque na categoria bancária convive-se com essa chaga. O motivo? Trabalhar em banco não é fácil.

Há muita cobrança por meta abusiva, pressões, assédio moral. Cuidar do dinheiro das pessoas e dos banqueiros é uma atividade essencial e muito difícil.

Por isso, a Diretoria de Saúde do SindBancários vem trabalhando há um bom tempo na prevenção do suicídio. Já realizamos webinário, encontros e seminários presenciais antes da pandemia e agora trazemos mais um valoroso material para a sua informação e conscientização.

A cartilha “Prevenção ao suicídio e promoção da vida – Identificação e encaminhamentos em situações de risco ao suicídio” traz informações valiosas para que você possa pensar em você e identificar “ideações suicidas” em quem você acha que pode ser mais propenso em seu ambiente de trabalho e na família.

Entre neste link, leia atentamente a cartilha. Ela vai te ajudar muito e pode salvar vidas.

Para ter uma ideia, a cartilha tem 40 páginas, com texto claro, acessível, bem ilustrada e explicativa. A leitura é rápida e faz você se sentir acolhido.

Fonte: Portal dos Bancários