Imunidade coletiva só será alcançada em 2022 no Brasil

Design sem nome (12)

O Brasil ainda está longe de alcançar a imunidade coletiva contra a Covid-19. Com a vacinação lenta, o país vai chegar à meta de imunizar 90% dos 160 milhões de adultos somente no primeiro trimestre de 2022.  

A estimativa dos pesquisadores das Universidades de São Paulo e Rio de Janeiro indica que o país precisa de 196 milhões de doses de vacinas para completar a imunização de toda população adulta.  

A velocidade atual da vacinação é inadequada ao cenário epidemiológico do país. Ao todo, 70 milhões de pessoas ainda não receberam nenhuma dose de vacina. Outros 56 milhões aguardam a segunda aplicação e só 34 milhões estão completamente imunizados.

Fonte: Sindicato dos Bancários da Bahia (SBBA)