Responsabilidades no teletrabalho são tema de debate com Banrisul

Design sem nome (58)

Conforme divulgado pelo site do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre, dirigentes sindicais da capital e do interior têm procurado deixar claro aos representantes do Banrisul, os efeitos que o trabalho remoto têm provocado na vida dos funcionários do banco.

As discussões têm ocorrido durante as mesas temáticas para a construção de um acordo coletivo de teletrabalho. Os diretores dos Sindicatos e da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras (Fetrafi) têm levantado questões importantes, como, por exemplo, a quem caberia a responsabilização pelo adoecimento dos trabalhadores que estão em home-office.

O dirigentes sindicais ressaltam a necessidade de haver normas comportamentais e de orientação para desempenho das funções em casa. Esse foi o ponto central do debate sobre teletrabalho durante a segunda reunião temática por videoconferência, realizada na última na terça-feira (13). Além das questões de saúde, os dirigentes deixaram claro que um acordo para o teletrabalho precisa ter o espírito da corresponsabilidade.

Seeb Imprensa Pelotas, com informações do SindBancários