Bolsonarismo: nazismo revisitado

20200616171049367198e

…a lei te procura / bandido infeliz / com seus olhos de raio-x…

(Chico Buarque)

A onda crescente de cassação de Direitos Civis e combate sistemático à ideia de Direitos Humanos vivenciada no pesadelo imposto pelo ex incendiário do quartel – o patético presidente Bolsonaro – está atingindo níveis cada vez mais insuportáveis. 

A inacreditável Irresponsabilidade frente à Pandemia – quando o simplório fanfarrão sai expondo seu riso demoníaco, sem máscara e apertando a mão dos passantes – foi tamanha que o cara, sob a alegação ridícula de manipulação de dados referentes ao Covid-19, incentivou INVASÃO de HOSPITAIS. Uma verdadeira ATROCIDADE. Onde NINGUÉM foi Preso!!!!!!

O (des)governo (aliado do grande CAPITAL e do Imperialismo – vive lambendo as botas de Trump) DETESTA Democracia. Porque Democracia, de algum modo, nos torna um pouquinho menos desiguais. Em Relação de Horizontalidade, nós ajudamos ainda que timidamente a definir e redefinir alguns rumos.

Quem não gosta de Democracia – e não gosta de submeter-se a ela –, é capaz de estufar o peito ao dizer não sou homem de esperar em fila. Ou o senhor sabe com quem está falando?  Quem incentiva esse tipo de conduta é certamente ligado ao BolsoNAZISMO. 

BolsoNAZI ameaça e cassa Direitos e Conquistas Histórias dos Trabalhadores, porque, como todo sujeito de Extrema Direita, todo Fascista/Nazista é fanfarrão e Covarde. E gosta de humilhar aqueles que não tem – os desvalidos, os descalços, os que trazem a pele castigada pela ação do sol, os sem-teto, os sem-terra, os aposentados, os pretos e pardos, os gays, as mulheres – todos os oprimidos dessa sociedade mesquinha e doente, onde impera a ganância e faz com que meia dúzia de famílias podres de rica comandem o show de horrores, lucrando com a fome, a miséria, as doenças, as endemias, as guerras, que acabam por vitimar os povos pobres e que só tem a força de seu trabalho. Porque os Nazista e Fascistas, altamente covardes, sabem em quem podem pisar.

Perversos, ignorantes, insensíveis, desumanizados, truculentos, intolerantes, apoiam Ditadores e Torturadores. Muitas vezes pobres (de espírito, nem se fala) vivem a bajular os senhores do poder, em cujas mãos sempre comeram. E assim, acabam se voltando contra aqueles cujas vozes se levantam contra toda ordem de injustiças que o capitalismo traz em sua essência. E por isso, esses mesmos bajuladores acabam por fazer o jogo dos poderosos. Daí, atacam os Sem-teto, os Sem-Terra, os Sem-Nada…e atacam os dirigentes de Associações de Classe e de Entidades Sindicais. E negam a Ciência, a História, o Saber, as Artes. E promovem ataques às Diferenças – étnicas, sexuais, culturais. Para que possam prevalecer a Ignorância e as Trevas – inimigas do Conhecimento, tanto o Empírico, quanto o escolar sistematizado.

Por pregarem o ÓDIO contra o povo, os Fascistas e Nazistas voltam-se ferozmente contra as ESQUERDAS, tentando inviabilizar toda e qualquer forma de OPOSIÇÃO – o que reafirma seu profundo Desprezo à Democracia.

Mais: todos sabemos que BolsoNAZI monta Milícias e Quadrilhas, disseminando seu ódio e sua Vocação à Morte e ao Sofrimento dos Trabalhadores. Age como Psicopata ou Sociopata- Genocida, assumindo por exemplo que por ele não restaria UM ÚNICO indígena no país. Ligam-se a ele todo sujeito ligado à Ultraviolência e à Corrupção pesada – acobertada por mais de 90 por cento dos Falsos Profetas, os tais Pastores, Mercenários da Fé, e que iludem e manipulam o povo, e se AFASTAM totalmente dos Ensinamentos de Exemplos de Humildade e Profunda HUMANIDADE de Jesus – a quem esses mesmos Pastores Mercenários voltariam a matar, sem titubear. Inúmeras vezes…porque combatem os pobres, entre os quais Jesus sempre viveu.

BolsoNAZI incentiva ainda covardemente os violentíssimos ataques ao Meio-Ambiente (que também teriam sido, a exemplo de bichos, de rios e de todas as etnias, Criação de Deus, a quem os caras dizem seguir). Tais ataques, como no caso recente da Amazônia, em que seus aliados Grileiros e Madeireiros fizeram e fazem a Floresta gemer e agonizar frente à força implacável e criminosa do Fogo, estão praticamente varrendo do planeta aquilo que até pouco tempo atrás era chamado de Pulmão do Mundo.

O Enterro da Democracia e a Tentativa absurda de Criminalização dos Movimentos Sociais abrem margem perigosíssima ao estabelecimento de um tipo terrível de TOTALITARISMO, para criar um Estado Perseguidor e Assassino – um quadro de profundo TERROR.

Logo, combater esse Estado de coisas, imposto por BolsoNAZI é o Caminho Natural para os Amantes da PAZ, da VIDA, do FUTURO, do MUNDO (redondo) e da DEMOCRACIA.

* Álvaro Barcellos é funcionário da Caixa e Colunista da RádioCom