Bancários elegem nova direção do Sindicato nos dias 10 e 11 de abril

Captura de Tela 2019-02-14 às 09.44.35

Prazo para a inscrição de chapas vai de 12 a 27 de fevereiro Conforme publicado em edital, o Sindicato realiza, nos dias 10 e 11 de abril, eleição para composição da nova diretoria do Sindicato para o triênio 2019/2022. O desafio para os próximos anos será grande. Uma conjuntura política completamente desfavorável, que exigirá disposição de todos para a luta e, principalmente, unidade da categoria. As votações ocorrerão das 9h às 17h, na sede do Sindicato (Tiradentes, 3087) e urnas itinerantes, junto às agências locais…

Leia Mais

29 de janeiro: Dia da visibilidade Trans

29-de-janeiro-dia-da-visibilidade-trans_a2cdd907bad1916723598e588f1976e2

Todas as vidas importam! Em 29 de Janeiro é comemorado o dia da Visibilidade Trans (travestis e pessoas trans). Este dia surgiu em janeiro de 2004, no governo Lula por conta do lançamento da Campanha Nacional “Travesti e Respeito”, do Ministério da Saúde. Na data, serão realizadas, em todo o Brasil, atividades para celebrar e denunciar o descaso e a incitação de ódio do atual governo. Diversas organizações afiliadas à ANTRA foram orientadas a sair às ruas para comemorar essa data em todo o país,…

Leia Mais

Bancos fecharam 1.540 postos de trabalho no Brasil nos primeiros onze meses de 2018

x56018694_Brasil-Brasilia-BsB-DF-04-04-2016Predio-Central-da-Caixa-Economica-Federal-em-Brasilia..jpg.pagespeed.ic.SSIcsGTE4K

A Caixa Econômica Federal foi responsável pelo fechamento de 1.058 postos no período Os bancos fecharam 1.540 postos de trabalho no Brasil, de janeiro a novembro de 2018, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), levantamento efetuado pelo Ministério do Trabalho. A análise por Setor de Atividade Econômica revela que a Caixa Econômica Federal foi responsável pelo fechamento de 1.058 postos no período, enquanto os “Bancos múltiplos com carteira comercial”, categoria que engloba bancos como, Itaú Unibanco, Bradesco, Santander e Banco…

Leia Mais

Datafolha: otimismo com posse de Bolsonaro é o menor desde 1989

20181209-tania-rego-1024×683

Pesquisa do Instituto Datafolha divulgada nesta terça-feira (1º) pelo jornal Folha de S. Paulo aponta que 65% dos brasileiros acreditam que o governo de Jair Bolsonaro (PSL) será ótimo ou bom. O percentual é 10 pontos percentuais acima dos votos válidos que ele recebeu no segundo turno (55%), mas um patamar abaixo do que tradicionalmente ocorre nas posses de presidentes em primeiro mandato. A série histórica do Datafolha foi iniciada quando Fernando Collor (PRN) assumiu em 15 de março de 1990. Na época, 71% dos entrevistados diziam…

Leia Mais

Dia 31/12 não haverá expediente: hoje (28/12) é último dia útil do ano para atendimento nas agências bancárias

agencias-bancarias-nao-abrem-na-segunda-e-so-voltam-a-atender-no-dia-3-5c256f4e7e6f6

Esta sexta-feira (28/12) é o último dia útil do ano de 2018 para atendimento nas agências bancárias. Até às 15h os pelotenses podem realizar todas as operações normais. Já na segunda-feira (31/12), os bancos não estarão abertos. As contas vencidas no feriado poderão ser pagas, sem juros, no próximo dia útil. Lembrando que é possível agendar os pagamentos das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos próprios caixas automáticos.  

Leia Mais

Festas de fim de ano mudam horário nos bancos

optimizarTiempo_850-1-696×393

 O horário de funcionamento nos bancos é diferenciado no período de fim de ano. No dia 31 de dezembro, não terá expediente ao público. Para não atrasar as contas, os clientes podem utilizar os canais alternativos, a exemplo do aplicativo de celular, internet banking, caixa eletrônico, telefone e correspondente bancário. Ainda têm a opção de agendar os pagamentos. No caso dos boletos bancários cadastrados como sacados eletrônicos, podem ser agendados ou pagos através do Débito Direto Autorizado. Quem tem carnês ou contas de consumo (água,…

Leia Mais

Bolsonaro diz que lei trabalhista tem que se aproximar da informalidade

bolsonaro-1

Depois de dizer que “é difícil ser patrão no Brasil”, presidente eleito voltou a reforçar que pretende, em seu governo, reduzir os direitos dos trabalhadores; capitão da reserva também prometeu não demarcar mais nenhum centímetro de terra indígena ou quilombola Em reunião com deputados do DEM nesta quarta-feira (12) em Brasília, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) voltou a reforçar que pretende, em seu governo, reduzir os direitos dos trabalhadores. Ele chegou a afirmar que a lei trabalhista “tem que se aproximar da informalidade”. “No…

Leia Mais

Caso de motorista de Flávio Bolsonaro pode indicar lavagem de dinheiro

systemuploadsnews3ed009c2505154fc761-700x460xfit-f20f6

Ganhou destaque nos meios eletrônicos e nos jornais Estado e Folha de São Paulo dessa semana, um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) que aponta a movimentação financeira de Fabrício José Queiroz, ex-motorista do Deputado Estadual e Senador eleito pelo Rio de Janeiro Flávio Bolsonaro, no valor de R$ 1,2 milhão, incluindo o depósito de um cheque de R$ 24 mil destinado a Michelle Bolsonaro, mulher do Presidente eleito, entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017. A movimentação do ex-motorista foi…

Leia Mais

Temer dá aval à privatização proposta por Guedes

temer-bolsonaro

O presidente Michel Temer disse ser positiva a política de privatizações defendida pelo futuro ministro da Economia do governo Bolsonaro, Paulo Guedes. Segundo Temer, as únicas áreas que devem continuar sob a tutela do Estado são segurança, educação e saúde. “Privatização é algo que deu certo no Brasil. Portanto, quanto mais privatizar eu acho melhor”, afirmou. Vale lembrar que Temer sempre deixou claro que queria privatizar tudo o que pudesse e entregar o patrimônio nacional ao capital estrangeiro. Inclusive, os bancos públicos que, desde 2016,…

Leia Mais

Secretária do Ministério da Fazenda diz que não privatizar o Banrisul impede acordo do RS com a União

24813099

Segundo informações da Rádio Gaúcha, a secretária-executiva do Ministério da Fazenda, Ana Paula Vescovi afirmou, em entrevista ao Gaúcha Atualidade desta quarta-feira (28), que o Banrisul é peça-chave para adesão do Rio Grande do Sul ao regime de recuperação fiscal da União. Para ela, não ter o banco na lista de estatais a serem privatizadas é “impedimento total” para o acordo. “O Banrisul é essencial. Ele é a companhia mais valiosa (do Estado), (vale) cerca de R$ 4 bilhões, mas pode valer mais”, disse. Durante a campanha, o governador eleito, Eduardo Leite (PSDB),…

Leia Mais