MTST ocupa triplex no Guarujá: ‘Se é do Lula, é nosso. Se não é, por que prendeu?’

20180416-ocupa-triplex_mtst

 

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e a frente Povo Sem Medo ocuparam na manhã desta segunda-feira (16) o triplex no Guarujá, atribuído ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Manifestantes estenderam faixas com dizeres como “Se é do Lula, é nosso” e “Se não é, por que prendeu?”.

Em janeiro, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) confirmou a condenação do ex-presidente, determinada pelo juiz Sérgio Moro, e aumentou sua pena para 12 anos e um mês em regime fechado. Lula foi considerado culpado por lavagem de dinheiro e corrupção passiva. Embora sem documentos e com recibos que carecem de perícia, a Justiça entendeu que ele recebeu o apartamento na praia de São Paulo por beneficiar a empreiteira OAS em contratos públicos.

No Twitter, o líder do MTST e pré-candidato à presidência pelo PSOL, Guilherme Boulos, postou imagens ao vivo da ocupação.

Ver imagem no Twitter

Guilherme Boulos

@GuilhermeBoulos

 MTST e a Povo Sem Medo acabam de ocupar o triplex do Guarujá, atribuído a Lula por Moro. Se é do Lula, o povo poderá ficar. Se não é, por que então ele está preso?
Manuela D’Ávila (PCdoB), também pré-candidata à presidência, oi outra que comentou a ocupação em apoio a Lula no Twitter.

 MTST e Povo Sem Medo acabaram de ocupar o triplex do Guarujá. Se é do Lula é nosso. Se não é por que prendeu?
 O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), líder do partido na Câmara, considera que a prisão é apenas uma estratégia para tirar Lula, líder nas pesquisas, das próximas eleições.

Paulo Lula Pimenta

Fonte: Sul 21

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *