Após gastar bilhões, Temer pode subir IR

Michel-Temer-vai-começar-a-cobrar-impostos-de-igrejas-diz-boato

Depois de desembolsar R$ 13,4 bilhões em emendas parlamentares para escapar, na Câmara Federal, da denúncia de corrupção passiva, feita pela Procuradoria Geral da República, Temer estuda desengavetar projetos de aumentos de tributos, inclusive cobrar alíquota maior no Imposto de Renda.

Parte da equipe econômica do governo defende a cobrança de até 35% para as pessoas físicas em 2018. Além dessa medida, Temer pensa em instituir uma tributação sobre lucros e dividendos.

Neste caso, pode haver um pouco de resistência, já que se trata de grupos empresariais, a quem mais o presidente tem agradado. As medidas precisam ser aprovadas pelo Congresso Nacional através de projeto de lei.

Fonte: Seeb Bahia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *