Encontro Nacional do Banrisul destaca manutenção de direitos

57888b9f-a411-49ff-bd5b-781c78745f7e

Em sua 25ª edição, o Encontro Nacional dos Banrisulenses, ocorrido no sábado (22/07), mobilizou os trabalhadores bancários em defesa do patrimônio dos gaúchos. O grande objetivo do encontro foi discutir as estratégias para manutenção do Banrisul público. O projeto de privatização do banco, iniciado ainda no governo Yeda (PSDB), em 2007, foi retomado com força total, em 2015, quando Sartori (PMDB) assumiu o Piratini. A estratégia já foi traçada. Emenda de autoria do deputado Marcel van Hattem (PP) solicita a inclusão do Banrisul no pacotaço do governo, via plebiscito, em 2018.

Os bancários de Pelotas estiveram presentes no encontro e reforçaram a disposição para a luta em defesa do Banrisul público. De acordo com Rafael Silva, dirigente sindical e funcionário do Banrisul, esta foi mais uma oportunidade para reforçar a luta em defesa do interesse público. “Precisamos mobilizar toda a comunidade gaúcha em defesa do nosso patrimônio. É um momento de difícil conjuntura, mas o atual contexto não pode nos desmotivar. É hora de somar esforços e não de recuar”, ressaltou.

O Sindicato orienta os funcionários do Banrisul a conversarem com familiares, amigos e clientes do banco, com o objetivo de explicar a importância da manutenção do Banrisul público para desenvolvimento econômico e social do Estado. A Campanha Nacional 2017 é uma boa oportunidade para reforçar a necessidade de organização das estratégias de luta contra a venda do banco e por melhores condições de trabalho.

Imprensa Seeb Pelotas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *